Nokia tenta patentear tatuagem que vibra com chamada de celular

Tecnologia permite que tatuagens vibrem com ondas magnéticas do celular. Tatuagem poderia alertar usuário sobre ligações e mensagens de texto.

A fabricante finlandesa Nokia tenta registrar uma patente nos Estados Unidos de tatuagens que vibram para avisar quando o celular toca. A tecnologia, descrita no pedido de patente, permite que as tatuagens vibrem com as ondas magnéticas emitidas pelos celulares.

As ondas fazem com que as tatuagens emitam “estímulos perceptíveis” para alertar seus portadores sobre chamadas, mensagens ou falta de energia nas baterias. “O estímulo perceptível poderá se traduzir por uma vibração na imagem aplicada na pele, por exemplo”, destaca o pedido de patente, que cita uma tinta elaborada com compostos magnéticos.

As sensações produzidas pelas tatuagens, permanentes ou temporárias, poderão ser personalizadas, com variação de intensidade e duração de acordo com a origem do telefonema ou da mensagem de texto. As tatuagens também poderão ser “recarregadas” com ímãs especiais, destaca a documentação.

Imagens mostram o registro de patente feito pela Nokia nos EUA (Foto: Reprodução)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *